sábado, 23 de agosto de 2014

Os Livros da Magia - Resenha


Timothy Hunter é um típico garoto de treze anos de idade que passa suas tardes assistindo à tevê e andando de skate. Mas ele é diferente de praticamente todos os outros adolescentes do planeta e está prestes a descobrir o porquê. Resumindo em uma palavra: magia. Tim não acredita nela, mas a magia certamente acredita nele – pelo menos o suficiente para que alguns praticantes já estejam planejando sua morte. Mas, pra sorte do garoto, ele também tem aliados nos planos sobrenaturais. Quatro dos maiores e mais misteriosos magos juraram protegê-lo e instruí-lo, e cada um deles está preparando uma jornada para demonstrar os perigos e as recompensas da magia
Essa história é conhecida entre os leitores por ter sido supostamente copiada por J.K. Rowling. Vou logo dizendo: não acredito que isso aconteceu e se acontece ela colocou tanta coisa nova na história que ficou praticamente irreconhecível. Resolvida essa besteirinha vamos voltar à resenha. 

O encadernado foi minha primeira experiência com uma obra de Neil Gaiman. De começo, me deu aquele medo de não gostar, afinal ele é super elogiado (e eu realmente quero a edição definitiva de Sandman).
A história é de uma calma na narrativa imensa. Como é a trajetória de Tim nos seus ensinamentos da Magia, tudo é contado de forma subjetiva e até meio "poética". Cada um dos encapotados é responsável para mostrar uma parte do tempo e da realidade, ou seja, passado, presente, e futuro. Junto com a exploração de outras realidades, onde eu acho que é o melhor da história.
Não há ação na HQ, até há umas tentativas de assassinato aqui, umas ameaças ali, mas nada que realmente estimule um leitor viciado em porradaria.
Esse sou quando a ação está lá mas nada acontece
Os personagens realmente são grandes conhecidos de quem acompanha os quadrinhos. Constantine principalmente, mas para ser sincero eles não são muito bem explorados pelo simples motivo de que você pode ou conhece eles pelos suas próprias histórias. 

Quanto a arte, eu fico dividido, porque ela vai mudando durante o encadernado. Isso porque os livros que compõem a HQ foram publicados em anos diferentes e desenhados por artistas diferentes. Eu sinceramente prefiro o traço do meio da história, que combina muito mais com a história contada no momento.
Os Livros da Magia me agradou muito, porém dependendo de quem vai ler é uma obra que pode frustrar. Afinal o trabalho de Gaiman aparenta ter a intenção de ensinar a Magia para quem lê ao invés de ficar buscando porradaria louca. Enfim Gaiman sendo Gaiman.

Título: Os Livros da Magia | Autor: Neil Gaiman | Editora: Panini | Páginas: 208

Nenhum comentário:

Postar um comentário